aguarde...

Dez mandamentos da Caminhada

Caminhar é uma atividade fácil que está conquistando cada vez mais adeptos. Porém, não é só colocar um par de tênis e uma roupa confortável e sair andando pelas ruas. Confira os dez mandamentos de uma boa caminhada para obter bons resultados e não prejudicar a saúde.

Pisando corretamente
Muitos praticantes cometem um erro no início da caminhada o de pisar com o pé ‘chapado’, o impacto prejudica as articulações podendo afetar joelhos, tornozelos e coluna. Para que isso não ocorra apoie o pé no chão, colocando primeiramente o calcanhar, em seguida a sola do pé e por último a ponta dos dedos.


Ritmo
A caminhada só é benéfica se for regular e ininterrupta. Não adianta andar na rua parando para ver vitrines ou andar no shopping. Mantenha sempre uma velocidade constante, mantendo um ritmo respiratório contínuo e lento, contraindo levemente o abdômen. Você irá perceber seu corpo transpirando, o que significa que sua caminhada está sendo feita corretamente.

Velocidade
Mantenha os pés paralelos e em linha reta, se deseja aumentar a velocidade, aumente o número de passos e nunca o tamanho da passada, pois passos mais largos forçam a movimentação dos quadris e podem provocar distensão na virilha.

Corpo ereto
O ideal é caminhar com a coluna e tronco retos e os quadris alinhados. Se tiver que olhar para baixo evite abaixar muito a cabeça, com o queixo quase tocando o peito, essa posição bloqueia a passagem de ar, comprometendo a respiração. Deixando você menos disposto e mais cansado, além de comprimir o pescoço e ombros.

Posição dos braços
Durante a caminhada os braços devem ficar flexionados formando um ângulo de 90º. Fazendo isso você gasta mais energia, ajudando o metabolismo e a freqüência cardíaca.

Sem peso
Não é aconselhável utilizar pesos nas mãos ou tornozelos durante a caminhada, isso não ajuda a trabalhar a musculatura nem aumenta o consumo calórico. Evite também fazer alongamentos, exercitando as mãos ou estendendo os braços para frente para não causar tensão muscular.

Sapato certo
O tênis é o melhor calçado para se fazer caminhada, de preferência com solado mais alto no calcanhar, não precisa necessariamente ter sistema de amortecimento. Não se esqueça das meias, pois atrito e suor provocam frieiras e fissuras. Já os sapatos, chinelos e sandálias não absorvem o impacto do corpo e prejudicam as articulações.

Roupas confortáveis
As roupas indicadas para essa atividade são camisetas de algodão, bermudas e moletons. As roupas sintéticas não absorvem o calor, aumentando a temperatura corporal podendo causar mal-estar. Se você se exercita no caminho para o trabalho ou na hora do almoço procure utilizar tecidos leves e não colocar roupas apertadas. Evite andar com pochetes de nylon pois o atrito com a pele combinado com o suor do corpo pode causar assaduras.

Sem acessórios

Caminhar com walkman atrapalha o rendimento, apesar de relaxante essa prática faz com que o praticante se distraia com o som e esqueça de manter o ritmo respiratório e de contrair o abdômen, além de enrijecer os músculos do pescoço. O ideal é não caminhar com nenhum acessórios levando somente as chaves em um dos bolsos ou amarradas no cadarço do tênis. Mas se você caminha no trajeto do trabalho, use uma mochila para carregar seus objetos, assim o peso fica distribuído entre os ombros.

Alimentação

Faça uma refeição leve com frutas e alimentos de baixa caloria antes de caminhar. Nunca saia de estômago vazio, pois pode causar indisposição e tontura, e não se esqueça de beber água antes, durante e após os exercícios.

# Deixe aqui seu comentário
Comentários

Nenhum comentário. Seja o primeiro!!!