aguarde...

Febre Amarela: Franca tem, pelo menos, três casos confirmados – e não divulgados.

A Febre Amarela (FA) voltou, depois de muito tempo, a ser umapreocupação para os moradores de Franca (SP). De acordo com alguns médicos dacidade, somente em um hospital particular três pessoas estão internadas porcausa da doença.

Franca entrou em estado de alerta após atender um homem deDelfinópolis (MG) que acabou morrendo com quadro confirmado de Febre Amarela.Desde então, a procura por vacinas nos posto de saúde da cidade aumentou em dezvezes e, em alguns bairros, os enfermeiros enfrentam dificuldade em acalmar ospacientes que não se enquadram no grupo de risco.

De acordo com Dr. Marco Aurélio Ubiali, médico e assessorespecial do Vice-Governador de São Paulo, as pessoas precisam se vacinar eintensificar o combate aos focos de criação do mosquito Aedes Aegypti.Esse surto somente existe porqueos governos municipais não estavam combatendo com eficiência e colaboração dapopulação os criadouros. Se faz muita propaganda, mas não há um trabalho eficazde conscientização permanente e dos riscos. Todos sabiam que o mosquito é omesmo da Dengue e que seria apenas uma questão de tempo para a Febre Amarelaaparecer”, comenta.

O quadroclínico caracteriza-se por início abrupto, com febre alta, cefaléia, calafrio,dor lombar, náuseas, vômitos, mialgia, prostração, congestão conjuntival,artralgia e fotofobia com duração, em torno, de 3 dias. Após esse período adoença pode evoluir para a cura ou agravamento do caso.

Em caso dedúvidas, procure uma Unidade Básica de Saúde.

# Deixe aqui seu comentário
Comentários

Nenhum comentário. Seja o primeiro!!!